terça-feira, 1 de novembro de 2016

POR UM SOPRO DE VIDA

EU NESSES ANOS DE WEB ( DESDE 2007) JÁ CONTEI MUITAS PASSAGENS DA MINHA VIDA...
ATÉ SEGREDOS DE ANTES, TORNARAM-SE PÚBLICOS AQUI NO MEU BLOG LAR:
A MINHA CASA, QUE ABRO, PARA RECEBER A TODOS QUE QUEIRAM VISITÁ-LA.




   Bem, tive mais duas situações de "quase morte", agora pela asma, a primeira graças
à Deus, estava mesmo dentro do consultório da alergologista e ela me socorreu.
Já a segunda vez, foi desencadeada por pânico:
Quinta feira, dia 27/10/2016 quase fui para o outro lado...

   Um ciclone passou pelo sul e sudeste. Moro em região litorânea, cerca de 3 km mais ou menos da praia, mar aberto, aquele que só surfista entra, e mesmo assim, tem que se preocupar...
Bem, o ciclone chegou naquele dia à MARICÁ-RJ.

  Vinha do dentista com minha filha Catarina, por volta de 20:00 hs. Já no ônibus ficamos assustadas com a questão dos relâmpagos e trovões terríveis. Quando a tempestade baixou de vez, estávamos descendo no nosso ponto de costume.
  Moramos do lado oposto da rodovia, então tínhamos que atravessar  a passarela de cimento armado. Erguia-se em nossa frente, perigosa, pois nada se enxergava, o ciclone trazia o vento forte coma a tormenta que jogava água forte em nossos corpos...
A sensação era de 'afogamento', pois a água vinha direto na face, sufocando, e não deixando respirar direito.
   Minha filha tremia de medo e o vento quase nos levava, porque somos magras.
Eu rezava alto, clamando à Deus um livramento para nós duas!
Parecia impossível continuar seguindo adiante...
   Mas, munidas de uma força que não se sabe de onde vem (só de DEUS mesmo) , conseguimos  nos manter firmes, com os pés escorregando, porém, seguindo em frente.
Dizia para ela se acalmar:

- Calma, aguenta mais um pouco, estamos quase chegando ao final...

    Entretanto, eu sufocava cada vez mais com a água no rosto.
Enfim, do outro lado, corremos para nos abrigar numa loja grande fechada há tempos no bairro, lá estava um grupo de pessoas refugiadas também da tormenta, aguardando passar...
Eles ao nos virem, disseram:

- Nossa, vimos tudo daqui, vocês foram corajosas de atravessar a passarela no meio de raios, molhadas e com todo aquele vento...

Eu já sem forças, só tive tempo de responder:

- Mas estou passando mal, tenho asma!

 Um anjo de DEUS, em forma de enfermeira, que ali estava no grupo, segundo os desígnios Dele, veio prontamente me socorrer:

- Coloquem ela sentada ali, sou enfermeira, vou ajudar!

   O grupo ficou em torno de mim, e me puseram sentada no degrau da loja fechada.
A enfermeira pediu alguém ( não sei quem foi) que pegasse a bolsa dela, com a maleta de primeiros socorros, que continha o aparelho de pressão, dentre outras coisas.
Verificou que minha pressão estava 7 x 5, portanto, muito baixa.
Eu já tinha então, as duas mãos completamente dormentes.

   Sensação de desmaio... Não conseguia respirar...
Ela pediu ao rapaz que a acompanhava, para erguer minhas pernas lentamente,  com o objetivo de oxigenar mais rápido, pulmões e cérebro.
(Esse procedimento também foi usado pela Dra  alergo, em seu consultório, quando aconteceu a primeira crise que quase me levou)
Deram-me água para beber.

   A pressão ainda baixa, ela me pediu para fazer força com a cabeça para cima, enquanto ela empurrava a mesma, para baixo...
Finalmente a pressão subiu um pouco, indo para 9 x 7...
Restava a falta de ar para estabilizar.
Ela então, pediu para tentar respirar o mais profundo que eu pudesse, e soltar pela boca.
Assim, enquanto levantavam minhas pernas, eu fazia esses movimentos respiratórios.
Voltei aos poucos ao normal... Não sei bem quanto tempo fiquei ali, até porque, isso não me importava.

  O que eu senti,  foi apenas um sopro de vida.
E diante da certeza que ela se acaba em questão de minutos ou segundos...
DEUS, em sua infinita misericórdia me poupou mais uma vez!
Eu só tenho que agradecer de estar agora relatando isso aos meus leitores e amigos!
Tenho em mente, que Ele ainda tenha alguma missão ou propósito para mim...
Amém, e que Assim Seja!

 FÁTIMA ABREU FATUQUINHA



2 comentários:

  1. Querida! Graças a Deus temos você conosco e espero que por muito tempo. Fica bem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. LÍLIAN, DEUS É MISERICORDIOSO! QUE BOM ELE TER ME MANTIDO POR AQUI AINDA... E ESTAR COM VCS! PESSOAS DOCES, QUE AMO COMO FAMÍLIA! BJS, MINHA QUERIDA <3

      Excluir