sábado, 30 de maio de 2015

VINHO NA TAÇA








NO VINHO TINTO SUAVE
SE EMBRIAGAVA...
UM TOQUE NADA SUTIL
PARA SUA ÂNSIA  VERDADEIRA...

******************************

 VINHO NA TAÇA

EMBEBEDE-SE EM MINHA TAÇA:
VINHO QUE TE OFEREÇO.
UM ACONCHEGO,
TEU NOVO BERÇO...

UMA TAÇA ESCOLHIDA,
PARA LHE SERVIR DESSA BEBIDA.
DELEITE-SE SEM DEMORA!
É O MEU SABOR QUE PROVA AGORA...

VINHO NA TAÇA.


FÁTIMA ABREU

TATUAGEM 2






Tatuagem 2

Tatuada na tua pele.
Sem nome ou sobrenome, apenas a mulher representada:
Com rosa e espada.
Não é um desatino teu:
Apenas um lampejo de volúpia
Ao lembrar momentos meus...

Tatuada na tua pele
Rosa suave e perfumada,
Em contraste com a tua espada.
Mulher
Beleza e força.
Sensual e destemida.
Fonte primeira de vida.

Fátima Fatuquinha Abreu

DELICADEZA- REEDITADO


Agora vem...
Vamos erguer os mares!
Fazer de nossa poesia,
A sedução dos nossos dias...
Façamos dela, o êxtase das palavras
Gozaremos nas entrelinhas...
Com tuas palavras, aliadas às minhas...

Pelo prazer de usar nossa imaginação
Com amor e muita paixão...

FÁTIMA ABREU

Ler mais: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=92241#ixzz2CxP2NekP
Under Creative Commons License: Attribution Non-Commercial No Derivatives
SIM, TENHO A DELICADEZA...
NÃO SEI SE É MESMO
DE UMA PRINCESA,
COMO DISSESTES A MIM...
MAS A DELICADEZA DA FLOR
QUE ESPERA PELO CALOR DO SOL
ASSIM SOU EU...
E PROCURO NESSE TEU CALOR,
FICAR, COMO A FLOR, NO SOL,
A SE ESQUENTAR...
**************************************
Agora vem...
Vamos erguer os mares!
Fazer de nossa poesia,
A sedução dos nossos dias...
Façamos dela, o êxtase das palavras
Gozaremos nas entrelinhas...
Com tuas palavras, aliadas às minhas...

Pelo prazer de usar nossa imaginação
Com amor e muita paixão...

FÁTIMA ABREU


Ler mais: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=92241#ixzz2CxPM0A3F
Under Creative Commons License: Attribution Non-Commercial No Derivative
Vem também...

segue teus instintos

faz de mim razão,

para teus gemidos

vindos do prazer

de estarmos juntos

na cama, eu e você...

******************************
SIM, TENHO A DELICADEZA...
NÃO SEI SE É MESMO
DE UMA PRINCESA,
COMO DISSESTES A MIM...
MAS A DELICADEZA DA FLOR
QUE ESPERA PELO CALOR DO SOL
ASSIM SOU EU...
E PROCURO NESSE TEU CALOR,
FICAR, COMO A FLOR, NO SOL,
A SE ESQUENTAR...
**************************************
Agora vem...
Vamos erguer os mares!
Fazer de nossa poesia,
A sedução dos nossos dias...
Façamos dela, o êxtase das palavras
Gozaremos nas entrelinhas...
Com tuas palavras, aliadas às minhas...

Pelo prazer de usar nossa imaginação
Com amor e muita paixão...

FÁTIMA ABREU

Ler mais: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=92241#ixzz2CxPCQryc
Under Creative Commons License: Attribution Non-Commercial No Derivatives

SIM, TENHO A DELICADEZA DA FLOR.
DA ROSA RUBRA,  DA PAIXÃO.
NO VESTIDO DE MESMA COR.

AQUELA MULHER, QUE ESPERA RECEBER DE TI,
O CALOR DOS BRAÇOS.
DO TEU SOL INTERIOR,
MOMENTOS DE AMOR...

NA CHUVA QUE CAI,
NAS ESTRELAS DO CÉU,
NA ÁGUA DO RIO...
E NAS NOITES DE PAIXÃO,
EM QUE DEIXAMOS NOS LENÇÓIS,
MARCAS DE NÓS...

FÁTIMA ABREU




SIM, TENHO A DELICADEZA...
NÃO SEI SE É MESMO
DE UMA PRINCESA,
COMO DISSESTES A MIM...
MAS A DELICADEZA DA FLOR
QUE ESPERA PELO CALOR DO SOL
ASSIM SOU EU...
E PROCURO NESSE TEU CALOR,
FICAR, COMO A FLOR, NO SOL,
A SE ESQUENTAR...
**************************************
Agora vem...
Vamos erguer os mares!
Fazer de nossa poesia,
A sedução dos nossos dias...
Façamos dela, o êxtase das palavras
Gozaremos nas entrelinhas...
Com tuas palavras, aliadas às minhas...

Pelo prazer de usar nossa imaginação
Com amor e muita paixão...

FÁTIMA ABREU


Ler mais: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=92241#ixzz2CxPM0A3F
Under Creative Commons License: Attribution Non-Commercial No Derivative



SIM, TENHO A DELICADEZA...
NÃO SEI SE É MESMO
DE UMA PRINCESA,
COMO DISSESTES A MIM...
MAS A DELICADEZA DA FLOR
QUE ESPERA PELO CALOR DO SOL
ASSIM SOU EU...
E PROCURO NESSE TEU CALOR,
FICAR, COMO A FLOR, NO SOL,
A SE ESQUENTAR...
**************************************
Agora vem...
Vamos erguer os mares!
Fazer de nossa poesia,
A sedução dos nossos dias...
Façamos dela, o êxtase das palavras
Gozaremos nas entrelinhas...
Com tuas palavras, aliadas às minhas...

Pelo prazer de usar nossa imaginação
Com amor e muita paixão...

FÁTIMA ABREU


Ler mais: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=92241#ixzz2CxPM0A3F
Under Creative Commons License: Attribution Non-Commercial No Derivatives
Agora vem...
Vamos erguer os mares!
Fazer de nossa poesia,
A sedução dos nossos dias...
Façamos dela, o êxtase das palavras
Gozaremos nas entrelinhas...
Com tuas palavras, aliadas às minhas...

Pelo prazer de usar nossa imaginação
Com amor e muita paixão...

FÁTIMA ABREU

Ler mais: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=92241#ixzz2CxP2NekP
Under Creative Commons License: Attribution Non-Commercial No Derivatives


















A DIFERENÇA É VOCÊ- REPUBLICADO



Faz da minha vida um romance, um folhetim
Abra teus braços, venha para mim...

Faz do nosso ninho, acolhedor espaço:
Onde juntos, sejamos unos. Só há carinho nesse abraço.

Faz da diferença que há em nós,
Algo sutil, que nos envolva,
O meu toque, é a centelha que acende o ardil,
O teu, é a força motriz
Fazendo nascer, brotar do mais profundo do meu ser,
Mel doce, para te receber...

A diferença entre amor e tentação,
Fica numa linha tênue...
Feche os olhos, saiba o porquê:
Sou a rosa, flor que desabrocha,
Mas o talo que compõe a rosa,  é você.

Fátima Abreu



UM POEMA DE AMOR: PEDAÇO DE MIM... REPUBLICADO

 

 

PEDAÇO DE MIM

Pedaço de mim
Leva agora contigo
Arrancado pelo desejo
Pelo teu beijo...

Pedaço de mim
Vai unido à tua alma
Que coloquei com o meu amor
Dei-te minha doce flor...

Pedaço de mim
Suplica a tua volta
Não demores dessa vez
Quero tê-lo comigo
Guardado no peito
Meio que sem jeito...

Por amores acumulados, aqui
Mas há espaço para o teu
Pedaço de mim
Não corra mais assim

O tempo passa
Mas, os momentos ficam...

Ah, pedaço de mim!
Se soubesse toda minha vida
O quanto preciso ser feliz agora
Não esperaria mais, vinha nessa hora...

Pedaço de mim
Simples assim...


Aquele que sempre sonhei
Desde os tempos de menina
Agora faz parte dessa vida minha
Simples assim:
Pedaço de mim...

FÁTIMA ABREU

A PRIMEIRA ORAÇÃO QUE ESCREVI

               Meu amigo Jesus

 

Jesus, meu amado amigo de todas as horas
Contigo sempre contarei em todos os meus momentos
Nunca deixarei a fraqueza me abater, porque comigo estás!

Senhor, filho de Deus Pai,
Acolhe agora todo o meu sentimento
Toda a minha necessidade de Ti

Jesus, cobre a minha casa, a minha família
Com teu manto de proteção e vitórias!
Salva aquele que se encontra perdido
Acuda aquele que está em perigo!

Cura aquele que está doente
Em um leito de hospital, ou em casa
Cura também meu Senhor, aqueles que estão doentes em espírito

Olha também, meu amigo, por aqueles que estão em guerra contínua, em países distantes...
Senhor, que nunca falte o alimento em minha mesa e de meus parentes e amigos
Que nunca falte o sustento, pelo trabalho

Que minhas lágrimas de sofrimento cheguem até Ti
E que o Senhor, com toda sua bondade, faça com que sequem
Porque o Senhor, meu Jesus amado, tudo pode!

Senhor, nesse momento te peço perdão por qualquer coisa que eu tenha feito, que não foi de seu agrado...
Seja minha luz sempre, seja minha força e minha coragem!
Te amo, Jesus!


Fátima Abreu

sexta-feira, 29 de maio de 2015

Conteúdo (prosa poética) REPUBLICADO


Imagem retirada do facebook:


Ah, triste sociedade em que o conteúdo fica em segundo ou terceiro plano!
Só resta lamentar isso.
A sociedade atual fabricou um comportamento:
As pessoas (que podem) vão às academias, comem a comida de fast foods, malham novamente, para perder as calorias...

E nesse círculo vicioso, a maquiagem é feita:
Cabelos, corpo, unhas, e até agregam muitas vezes silicone.
Nada contra, mas há mais, muito mais numa mulher!
O homem atento ao que a sociedade impõe como norma para o sucesso, (pois a apresentação muitas vezes supera o conhecimento em questão) esquece então, o conteúdo.

CONTEÚDO!

Com todas as letras garrafais que merece.
A juventude com o tempo, por mais que se tenha dinheiro para tentar mantê-la, um dia, se esvai...
Como folha que voa solitária ao vento...
Resta ao homem então refletir sobre essa certeza, e começar a observar que ao seu lado, pode ter uma mulher de rara beleza!
O bisturi, a academia, o salão de beleza, a maneira de vestir, podem ser ótimos para manter a auto estima, mas não podem concorrer com:
O conteúdo de amor, dedicação, paciência, tolerância e caridade que faz uma linda mulher, de verdade...

Fátima Abreu

O Menino Perguntador e os Pontos de Vista


O Menino Perguntador e os Pontos de Vista

O menino queria saber porque as cores tinham nome.
Perguntou para a mãe como fazia sempre que tinha uma dúvida:
- Mãezinha, quem dá os nomes para as cores?
- Não sei quem deu os nomes, isso vem de muuuito tempo, meu filho.
- Mas, em todo lugar do mundo é assim, as coisas tem os mesmos nomes de cores?
- Sim, só muda o idioma, o mar vai ser azul ou verde em qualquer lugar, se for nos Estados Unidos por exemplo, vai ser blue ou green...
- Não sei não, tinham que reformar isso...
- Por que meu filho?
- Porque pouparia o trabalho que eu vou ter...
- De que trabalho você fala, meu filho?
- Quando eu explicar para minha professora que a banana não tem que ser 'amarela' como ela quer.
- Ora, a banana é amarela!
- Isso é apenas um nome de cor, mamãe... E se a minha banana for esse tal de verde?
- Também serve, significa que ela não está boa para comer...
- Pois é isso... Tudo é um ponto de vista! Mas, ela não vai aceitar minha explicação.
- E por que não?
- Ah, ela é muito chatinha comigo, até me deu outro nome...
- Deu outro nome, te ofendeu?
- Não. Apenas passou a me chamar de Daltônico.

Fátima Fatuquinha Abreu

* Esse texto eu fiz por ter conhecido um caso, que o menino sofreu discriminação da professora e dos coleguinhas de classe, por ser daltônico.

AS PALAVRAS QUE FAZEM POESIA

Viagem No Tempo

Não me vejo no espelho
Ele reflete apenas o físico que a maioria vê...
Não me vejo no espelho,
Minha alma só é revelada,
Quando fecho os olhos e ao abrir,
Reconheço-me mais jovem:
Uma viagem no tempo,
Que só assim, posso conseguir...

Fátima Abreu Fatuquinha



                                          
  *****************                                

  Aroma De Flor

Nua, revela os 'furinhos' acima de teus montes carnudos...
Homens que te cercam, desejosos de no teu corpo tocar,
Vislumbram somente na tela,
A tua nudez exposta.
E o aroma das flores que parecem adivinhar...

Fátima Abreu Fatuquinha



                             
                          

PRATICANDO LOGOSOFIA NO SEU DIA A DIA

                                                            REPUBLICADO

Meu texto:



             Praticando Logosofia Na Sua Vida Diária


Viva sem fingir:
* Vivemos em um mundo que tudo é falsidade. Se conseguir isso, viver sem fingir, já é meio caminho andado! O fingimento só é aceitável, se for para deixar alguém que você gosta, mais tranquilo. Omitir um estado de espírito, para que a outra pessoa não se preocupe, é um fingimento bem intencionado.

Ame sem depender:
* O amor tem essa dependência implícita no sentimento. Mas é tempo de desapegar. Não vivemos para sempre. Hoje quem você ama, está contigo, amanhã quem sabe? Se fechar os olhos, ou mesmo que isso não aconteça, essa pessoa em algum momento da vida, te deixará. Por um motivo, ou por outro...

Isso vale para todos os tipos de amor. Desapegue, deixe ir...
Isso não é ser insensível, é ser realista!
É difícil, mas, necessário. Cheguei nesse estágio de conscientização, já.
Eu não vou durar a vida toda. Quero que meus filhos estejam abertos a isso.
Cada pessoa toma seu rumo na vida. Preparo minha caçula Catarina, que é a única que ainda está comigo, para que ela siga a vida dela, assim que conseguir ingressar numa faculdade e arrumar emprego que dê para se manter.

Escuta sem atacar:
* Seja bom ouvinte: Muitas vezes você estará ajudando muito alguém, se souber apenas escutar, sem julgar, sem opinar. O ser humano fragilizado precisa de um "ombro amigo', não de críticas...

No caso de ser um assunto entre duas pessoas, em defesa de opiniões contrárias, apenas escute primeiro, depois responda o que pensa, sem levantar a voz. Dando argumentos plausíveis que se sustente.

Fale sem ofender: 
* Você pode dar a sua mensagem, sem ofender ninguém. Seja educado.
Mostre que aprendeu bem, a lição que seus pais te deram.
Fale com calma, pausadamente. Mostre equilíbrio.
Dessa forma, mesmo que seja uma crítica, será acolhida. Todo o segredo do sucesso em um diálogo, é o jeito como se fala com as pessoas.


Fátima Abreu


quinta-feira, 28 de maio de 2015

Mais Uma Dança- republicado



Dançando na calçada,
Sob a luz da lua, Dóris estava.
Num traje leve, esvoaçante...
De cabelo preso, vestido e sapatos de mesma cor
Rodopiava alegre,
Com aquele que  se tornara, seu grande amor...

Feliz, pela linda e amorosa companhia,
Ele a conduzia, vestido a rigor.
 
O carro chegava para levá-los dali.
Entretanto, não paravam de dançar!
Os faróis em cima, 
Iluminando o caminho,
E Dóris, dançando e sorrindo...

Nada perturbava o casal, que não se continha:
Era um tal de" dois pra lá, dois pra cá", sem mais nada se pensar...
Acabaram a noite ainda em comemoração:
Num tocar de corpos dançantes,
De belo e febril casal de amantes...

Fátima Abreu














PROSA POÉTICA: Controvérsias

Republicado



CONTROVÉRSIAS

QUANTAS PESSOAS NASCEM E MORREM NESSE
MOMENTO?
QUANTAS ABRINDO E FECHANDO OS OLHOS...
QUANTAS DIZENDO "EU TE AMO"?
E SE BEIJANDO EM ALGUM LUGAR...
QUANTAS SE CORROENDO DE ÓDIO, E MORRENDO POR DENTRO...
SEM NADA PARA AMAR.

QUANTAS DIZENDO: "NÃO FAREI MAIS"?
OUTRAS TANTAS: "NUNCA TENTEI"...
QUANTOS CHORANDO E SORRINDO, NESSE MESMO INSTANTE EM QUE ME LÊ?
VERDADES E MENTIRAS SENDO PROFERIDAS.
LÁGRIMAS PELO ROSTO, ESCORRIDAS... DORES, DISSABORES!
BEIJOS, CARINHOS, AMORES...

QUANTOS TREMENDO DE FRIO, ENQUANTO OUTROS ESTÃO "MORRENDO" DE CALOR...
QUANTOS BEBENDO E COMENDO COM FARTURA, E TANTOS SEM TER NADA, ALÉM DE UMA CAMA NO CHÃO, DURA...
É MEUS AMIGOS, ESSE MUNDO DE CONTROVÉRSIAS!
RICOS E POBRES. FEIOS E BONITOS...
PORÉM NO FINAL, TUDO É SEMPRE IGUAL.

FÁTIMA ABREU

Um Beijo Meu...


Um Beijo Meu...


Um beijo te ofereço
Não um queijo.
Que coisa mais brega de se dizer!
Um beijo te ofereço.
Não um simples lampejo.
Um beijo.
Espalhado no ar...
Um beijo, para quem Use deva amar.
Um beijo, não um queijo, que coisa mais brega! Repito...
Quem afinal inventou isso?
Falta de imaginação, ou apenas queria rimar?
Não sei. Mas, é bom não saber!
Caso soubesse, falaria:
" Que coisa brega de se dizer! "

Sou mais o meu beijo:
Um gosto bom de se ter...

Fátima Abreu 



segunda-feira, 25 de maio de 2015

LIVRO DE CABECEIRA









LIVRO DE CABECEIRA

Ah, se o vento ainda me guiasse!

Se as pétalas de flor me bastassem...

Se o livro da mesinha ao lado da cama,

Não deixasse traços desse amor inexistente:

De romances épicos, que não contam a nossa história

Mas são personagens que ficam fixos na memória.

Cartas que não foram abertas

Viagens... Palavras ditas e não sentidas.

Porém, o livro está ali:


Ao alcance de minhas mãos.

Basta iniciar nova leitura,


E me perder em mais uma aventura:


Paixão e dor.




Quem não teve?


FÁTIMA ABREU

sábado, 23 de maio de 2015

Mãe Luar da Noite, Filha Aurora do Dia

Mãe Noite de Luar, Filha Aurora do Dia


Mãe Noite de Luar foi a primeira.
Abriu o véu no Espaço.
Criando celestes astros.
A filha Aurora do Dia, veio logo a seguir:
Mãe Noite deu-lhe um beijo e ela sorriu.
 

Trouxe então, para enfeitar o Céu:
Pássaros, borboletas e nuvens de algodão.

As duas sempre se encontram em um momento espetacular:
 

Quando Mãe Noite de Luar se despede e dá sua mão carinhosa à filha querida.
Aurora do Dia abre os braços, evocando a manhã em nuances coloridas no Céu...

Fátima Abreu


Morning to ... Night

quinta-feira, 21 de maio de 2015

Engano II


Engano II


E TUDO NÃO PASSOU DE UM ENGANO...
Nem tudo é, o que parece ser.
A lágrima que escorre, pode não ser de tristeza:
Mas o sorriso que sai do lábios de alguém,
Pode não ser de franqueza...

O grito, pode não ser de terror ou dor
Pode ser o brado forte de um prazer louco
Um orgasmo delirante, deixando-o rouco...

Nem tudo é, o que parece ser:
Apenas os olhos falam a linguagem da alma:
Podem revelar tudo.

O engano diário do ser humano,
É julgar o livro pela capa:
Um livro empoeirado, esquecido no fundo da estante,
Pode nos levar a emoções e lugares bem distantes...

Nem o espelho reflete nosso verdadeiro 'eu'.
A linda moça que por ali passa e olha,
Pode ser fútil, ardilosa e desalmada...
A chuva é bênção para uns,
Desgraça para outros.
Mas sempre será a chuva.
Somente  a Natureza é,
O que parece ser.
Sem enganos.

Fátima Abreu


quarta-feira, 20 de maio de 2015

Meu Obrigada!


Ontem fiz anos: 51, para ser exata.
Recebi carinho de pessoas que nunca vi pessoalmente.
Claro, a família virtual existe, como disse no dia 15 de maio...

Meus parentes também como sempre, me telefonaram e/ou enviaram mensagens.

Esse ano não teve bolo.

Fiquei feliz com a homenagem que o amigo Antonio Silva me fez: 
Ligou ao vivo durante seu programa, 'SEU ESPAÇO', na rádio ALÉM FRONTEIRAS, de Faro, Portugal. 
Valeu pelo bolo que não tive.

Coisas simples fazem a felicidade. 
Gestos e palavras, a diferença.

A simplicidade é a base da minha alegria.
Obrigada de coração a todos que lembraram do meu aniversário. 

Fátima Abreu








sábado, 16 de maio de 2015

Ainda sobre meu novo livro...UM TRECHINHO


 Visita de Layla à casa dos pais de Juvenal Rossini:





A casa era de classe média, muito limpa e bem decorada:
Detalhes no estilo ‘Shabby chic’, para todos os lados, lembravam os anos 50/60, com muito tom de rosa nas cortinas e bordados nas capas das cadeiras, sofás revestidos em tons floridos suaves...
Flores em vasos decorados cor de rosa também...
Toalhas bordadas na mesa grande  principal e nas menores faziam o conjunto.


-shabbychicdecor...

https://www.pinterest.com/pin/459226493227118335/

Vitória  pediu que se sentassem e foi até a cozinha chamando os pais para a sala.
O casal Genaro e Carminha Rossini, tinha a mesma idade: 51 anos.
Ele não apresentava cabelos grisalhos, mas, mostrava uma pequena calvície nas laterais da testa, e rugas embaixo dos olhos. Estava de camiseta branca e bermuda.
A mãe de Vitória, já se via, pintava os cabelos, mas, ainda não apresentava rugas.
Tinha um corpo jovem ainda, embora, os braços já haviam perdido um pouco de massa muscular.
Trajava um vestido leve desses de se usar mesmo em casa: Florido e de alças.
Apertaram as mãos dos visitantes e sentaram-se também para conversar.

- Bem, Vitória me disse na cozinha, que você trouxe uma bebezinha, dizendo ser nossa neta. Pode-me falar sobre isso?

- Senhora, essa aqui é  Zia, sua neta, filha de Juvenal Rossini. Achei que era meu dever de lhes apresentar. Não seria justo que não soubessem de sua existência.

- Você se casou com Juvenal?

- Não. Vivemos juntos um tempo somente. Ele não conhece a filha. Voltei para casa de meus pais. Zia nasceu de sete meses, no dia em que eu voltava para o Rio...

 

https://www.pinterest.com/pin/459226493227598411/

Link da imagem no meu álbum ROMANTIC VINTAGE, no PINTEREST
Decor ~ Romantic Country

sexta-feira, 15 de maio de 2015

15 DE MAIO: DIA DA FAMÍLIA

FAMÍLIA

Seres unidos pelo nascimento em um grupo que tem mesma raiz, sobrenome...
Entretanto, família é mais que isso:
Além do sangue, existem a família que escolhemos.
Aquelas pessoas que fizeram, fazem ou farão parte de nossas vidas, de maneira a ganhar esse 'status' de FAMÍLIA.

Amigos tornam-se família.
A família escolhida é construída com base do tamanho da amizade nutrida.
Já a de sangue, somos convidados a amar desde que viemos ao mundo. A que formamos anos depois, já adultos, da mesma forma.
Sejam nossos avós, pais, irmãos, tios, primos, e depois filhos e netos (se tivermos sorte, até bisnetos) é uma marca que levamos para sempre.
Os amigos escolhidos para família, (os de coração) pode ser que não se  tenha interação o tempo todo, mas, quando se encontram é só alegria!

Hoje em dia, temos um terceiro tipo de família: A VIRTUAL
Eu pelo menos tenho!
Tenho 2 primos : Gelci Abreu e José Seixas.
Tenho irmãzinhas: Acalenta, Maria Sateles, Claudia Santos, Edla Dantas, Márcia Ramos, Mírian Yamamoto, Mary Braga, Fátima Nunes, Letícia Serrat, Luzia Spolaor, Ana Furtado, Bárbara Santos, Rose Riguetti, Rosana Ramos e tantas outras!
Tenho um irmão: Adilson Bonassa
Tenho uma fada madrinha: Gina Roman (que também está enquadrada na família de coração)
E suas duas filhas da mesma forma.
Tenho 2 sobrinhas: Tatiane Nascimento e Daiany Guimarães (também estão na família de coração)

Deixo então essa postagem em homenagem aos meus familiares de sangue, de coração e os virtuais.
Fátima Abreu




 





EM TEMPO...

    Meu aniversário é no dia 19 de maio, próxima terça.
Quem quiser me presentear, basta apenas comprar meu novo livro ou qualquer um dos que estão na minha página do blog: MEUS LIVROS
http://fatuquinhaeseular.blogspot.com.br/p/blog-page.html

DE PREFERÊNCIA EM E BOOK  (DIRETAMENTE COMIGO), PARA ENTRAR LOGO NA CONTA...
Pelo CDA, demora muito o repasse, e gastos/contas são urgentes...
Obrigada desde já!



    O projeto dos livros sob encomenda começa a valer agora.
Terminado o meu décimo nono livro, estou pronta para pegar os pedidos.
Quem quiser ter sua história contada com meu estilo literário, entre em contato pelo email: fatuquinha@gmail.com
Darei os detalhes:


    Peço que deixe um pequeno resumo do enredo principal para que eu tenha base.
Cite nomes, profissões, lugares, épocas e situações que acha bom registrar nesse livro.
De posse disso, monto a história e os diálogos conforme o que me for contado.
Envie para meu email: fatuquinha@gmail.com.
Bem, um livro básico entre 120 a 130 folhas mais ou menos, custa por volta de 32 a 35 Reais no Clube de Autores. 

É pela tabela deles que eu faço, porque trabalho com esse sistema.
Caso queira apenas o livro para um arquivo pessoal, faço apenas o ebook. 

Mas, se quiser para revender para família e amigos, tenho que colocar no site do Clube de autores ou da Agbook (são sócios) para que gere capa, preço e link, além das formas de pagamento para quem queira comprar impresso depois.
Sem esse processo não conseguirei montar a capa e tudo mais, apenas a parte escrita.
Estando de acordo com apenas o ebook ou que eu coloque no CDA, responda tudo pelo email.
Peço que coloque o maior número de detalhes possíveis para que eu tenha ideia geral por onde começar.
Desde já agradeço pelos futuros pedidos.

NOTA:
Sendo biografia ou memórias de família, ou o que queira a ser feito, enviarei um documento para que assine e envie escaneado de volta para mim ou pelo correio
(no endereço que darei), tirando qualquer bônus extra sobre minha publicação. Você paga pelo serviço, como qualquer outro tipo, concordando que não haverá cobranças posteriores de direitos autorais de sua parte.

Como sempre digo:
Cada um luta com suas armas. Ou ganha a vida com seus talentos...
O meu é a escrita.
Fátima Fatuquinha Abreu








sábado, 9 de maio de 2015

Oração Pelas Mães e Pela Minha

Mãezinha do CÉU,
Olhai por todas nós!
Mães do mundo.
 
Mãe amorosa,
Peço-te hoje em especial, pela minha:
Cuida de suas dores.
Alivia seu coração.
Dá-lhe de presente nesse dia,
A Tua intercessão.

Pede ao Teu Filho amado, 
Que Ele lhe restaure a saúde,
E possa sorrir sem dor.
Obrigada desde já, Mãezinha do Céu,
Por amparar a minha.
Abigail é seu nome.
Uma flor de Amor.


Fátima Abreu 
Fatuquinha


Minha mãezinha Abigail (clicada por mim), aqui fazendo uma prece por toda família, na casa de meu irmão Paulo (ao fundo).






sexta-feira, 8 de maio de 2015

domingo, 3 de maio de 2015

ÚTERO NA ÁRVORE


Tree of life

Ventre enraizado,
Ar puro,
Criação:
Útero na árvore.
Criança alimentada da seiva.
Chão.
Nasce, para novo ciclo:
E frutos viçosos dará.
Alimento, ar.

Fátima Abreu

AS MÃES E SUA IMPORTÂNCIA NA EVOLUÇÃO DA HUMANIDADE

Republicado pela semana do Dia das Mães

Antique photo from around 1900 of a doting mother and child dressed in their spring finery. (Photographer unknown.)


ARTIGO PARA MÃES E FUTURAS MÃES:
(FEITO EM 2011)



Urge a necessidade de habitar o planeta, com o ser dominante: O HOMO SAPIENS.
A mãe, fêmea da espécie, nutre em seu ventre o pequeno ser, que irá seguir em frente na evolução das espécies. Essa semana, li um artigo no jornal que falava sobre as mutações do corpo humano passou desde os séculos passados até os dias atuais. Um homem francês de seus 30 anos, teria em média nos séculos XVIII, XIX, apenas estatura mediana, hoje, ele ultrapassa 1,77m.
Quanto ao peso, também foi mudado pelos anos de transformação do corpo humano:
Antes, esse mesmo homem, poderia ter apenas 50 Kg (!), nos dias atuais ele terá 77 Kg...
A saúde do homem atual também é melhor, sem dúvida alguma, pelo avanço tecnológico da Medicina e Farmácia, evitando que muitos sucumbam por doenças que antes, matavam em massa. Isso também se deve aos cuidados que as mães recebem atualmente com o pré- natal, coisa que nos séculos anteriores não existia...

                                                     ***************


O berço da Humanidade, o útero materno é sem dúvida, o maior responsável pela contínua evolução humana para padrões melhores, como estatura, massa muscular, longevidade e maior resistência do organismo às doenças.
A mãe, figura tão bonita deveria ser mais amada pelos filhos. É contrastante observar que as relações familiares estão cada vez mais difíceis, e que há filhos até assassinando suas genitoras!

 gotta love matching mother-daughter outfits, 1954

                                                               DEUS, SALVE AS MÃES DO PLANETA, para que elas continuem o trabalho de perpetuar a espécie, embora o HOMO SAPIENS, esteja num caminho evolutivo constante, seus instintos animalescos estão cada vez mais visíveis...
Que as mães sejam abençoadas e que consigam fazer com que essas novas sementes plantadas no orbe terrestre, sigam em frente sem essa dose de instinto animal da época atual.

tippy toes - mother daughter photography







Como mãe, tenho a certeza que muito fiz ( e faço ) pelos meus 3 filhos, e que se um dia fizerem qualquer coisa, que saia dos padrões da dita 'normalidade', com certeza seria por efeitos externos da sociedade, não pela minha criação.

It's not me and my mom but we did the same thing in different outfits than the ones in the picture

Que seja um alerta para que fiquem de 'olho' em seus filhos e que deem o máximo de valores como:
Compaixão, fraternidade, perdão, amor, solidariedade ao próximo.
Feito isso, seu trabalho será recompensado nas gerações futuras, com uma nova semente plantada nos corações desses seres humanos mutantes em evolução e psique...

Fátima Abreu