quarta-feira, 8 de abril de 2015

Madura

Primeiro uma prece:

Paizinho do céu, abençoa todas as almas que sofrem com mágoas e retira o véu negro de seus corações, que estão encobertos por tal sentimento.
Boa noite queridos amigos.
Que a luz e paz de espírito chegue ao seu lar!
Assim seja, com a graça de nosso Criador.
E como Centelha Divina que somos, Ele nos conforte nos momentos de tristeza e solidão da alma escaldada de sofrimento.
Fátima Fatuquinha Abreu


Agora, o que houve hoje:

A vida nos testa a todo momento. Fato.
Entretanto, coisas inusitadas acontecem...
Nós podemos ter a melhor das intenções, e ter gente para desconfiar delas.
Tomo isso, como pessoas sofridas que já levaram muitos golpes e em consequência, ficam cautelosas de confiar nos sentimentos alheios.
Prefiro pensar assim, do que me chatear com palavras agressivas.

Quem me conhece, sabe que sempre tenho realmente a melhor das intenções quando me ofereço para ajudar alguém, seja na vida cá fora ou virtualmente.
As pessoas do Rio (do Irajá) que me conhecem muito bem, porque fui criada lá, e estão no meu  facebook, as de Itaguaí, igualmente sabem como sou. (Somando as poucas daqui de Maricá que também me conhecem nesses 7 anos que aqui estou).
Enfim, os meu amigos e vizinhos de várias épocas.

Mas (e como digo, sempre há um 'mas'), tem pessoas que se surpreendem e acham que estou querendo passar por anjo!
Sabem o último desaforo que sofri, não bastasse ser chamada de pobre e brega tempo atrás?

VOU COLOCAR COM TODAS AS LETRAS:
"Você já deve ser bastante "Madura" para ser "Anjo", vestir uma Personagem."

A minha resposta? Essa:
"Não sou anjo amigo, sou exatamente isso: Madura.
E pela minha experiência de vida, tento passar energia positiva a outros... Só isso. Ser espiritualista é saber conviver com erros e acertos, e aceitar com conformidade as situações da vida. Inclusive quando são agressivos conosco..."

Então, era isso que queria mostrar: A desconfiança das pessoas chega a tal ponto, que são ríspidas!
Eu perdoo, pois a minha religião é o amor à Deus, e seu Filho Jesus, que nessa passagem mostra, Mateus 18:

21 Então Pedro aproximou-se de Jesus e perguntou: "Senhor, quantas vezes deverei perdoar a meu irmão quando ele pecar contra mim? Até sete vezes?"
22 Jesus respondeu: "Eu digo a você: Não até sete, mas até setenta vezes sete.


Ah, descobri que ele estava seguindo esse blog.
E ainda me disse ainda agorinha: Que eu não devo ser muito certa mesmo e que sofro de rejeição!
Vejam se pode isso! Essa pessoa me agrediu verbalmente, sem saber como sou...
Se me conhecesse pessoalmente, nunca faria tal coisa:
Não sou nenhum anjo, mas, uma pessoa totalmente da Paz.
Pior que  isso, só cego que não quer enxergar.


Fátima Fatuquinha Abreu

 Comentário no fb:
Fatima Nunes Realmente você é uma pessoa madura, que sabe o que quer, e apesar de todo o sofrimento que a vida lhe impôs, você não perdeu o seu jeito meigo de ser. Você é especial.

Dia(s) 8 de abril...
Casei nesse dia, na primeira vez.
Minha avó paterna (a portuguesa Emília), morreu também  em um dia 8 de abril. 
Tenho duas pessoas conhecidas de anos, que fazem aniversário também hoje.
E finalmente: O dia em que quase saí da minha paciência e tolerância...

Nenhum comentário:

Postar um comentário