quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Mais uma poesia em dueto



Caminho entre os meios,
trilhos que correm noutra direção...
Suportes firmes.
Caminho em busca de alguma solução... 


 Fátima Fatuquinha Abreu



TRILHOS- Dueto

Caminho entre os meios, trilhos que correm noutra direção... Suportes firmes. Caminho em busca de alguma solução... Fátima Fatuquinha Abreu

Francisca Pereira-  Não me importo com a direção... Se eu posso mudá-la para o meu alvo!


Fátima Fatuquinha Abreu- Sigo meu rumo, guardando a esperança no peito, de mais à frente, o amor encontrar...

Francisca Pereira- Amor este que terá que ser perfeito, como nos meus sonhos de mulher inconsequente.... ardente de paixão!

Fátima Fatuquinha Abreu- Passo a passo pelos trilhos, tanto da vida quanto do trem, o pensamento vagueia... Vislumbro logo a frente, uma silhueta masculina, será você, o homem que me fará estremecer?

Francisca Pereira- Como seria este homem? Pernas torneadas, porte atlético, braços fortes, prontos para um interminável abraço!

Fátima Fatuquinha Abreu- Estou chegando mais perto... Posso sentir a respiração ofegante... É a incógnita que me instiga... Vou seguindo a brisa...

Francisca Pereira- Será que a brisa que me traz o seu perfume inebriante me conduzirá até você? Homem misterioso!

Fátima Fatuquinha Abreu- Com o lenço que carrego nas mãos, enlaço seu pescoço... Trago para bem pertinho de mim e no teu olhar de mistério eu me entrego...

Francisca Pereira- ME VEJO EM TEUS OLHOS... QUE POR ALGUNS MOMENTOS ME DEVORAM...SEM NENHUMA PERMISSÃO O MOMENTO É DE ENTREGA...
MAS, SERÁ ALUCINAÇÃO?

Fátima Fatuquinha Abreu- Acho que estou mesmo desvairada... Estaria eu, sonhando acordada?




2 comentários:

  1. Combinação perfeitas meninas =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grata pela leitura, amiga Bell! Visita sempre constante no meu Lar da web... Beijinho com carinho :)

      Excluir