domingo, 5 de novembro de 2017

Sabor de Vinho



Como no sabor do vinho, eu te saboreio.
Assim como entre lençóis.
A vontade é a mesma.
Na embriaguez dos sentidos,
Te sinto comigo.
Fico corada:
Rubra, como a rosa vermelha.
Querendo-te mais e mais...
Sim, você é o meu vinho.

Fátima Abreu

Nenhum comentário:

Postar um comentário